08 04   Mc 16, 13-23   Quinta Feira (Estudo)

08 04   Mc 16, 13-23   Quinta Feira

PALAVRA DE DEUS: MATEUS 16,13-23 - PEDRO EXPRIME SUA FÉ EM JESUS : REFLEXÃO DE ANINHA

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus (Mt 16, 13-23)

Naquele tempo, Jesus foi para os lados de Cesareia de Filipe e perguntou aos seus discípulos: «Quem dizem os homens que é o Filho do homem?». Eles responderam: «Uns dizem que é João Baptista, outros que é Elias, outros que é Jeremias ou algum dos profetas». Jesus perguntou: «E vós, quem dizeis que Eu sou?». Então, Simão Pedro tomou a palavra e disse: «Tu és o Messias, o Filho de Deus vivo». Jesus respondeu-lhe: «Feliz de ti, Simão, filho de Jonas, porque não foram a carne e o sangue que to revelaram, mas sim meu Pai que está nos Céus. Também Eu te digo: Tu és Pedro; sobre esta pedra edificarei a minha Igreja e as portas do inferno não prevalecerão contra ela. Dar-te-ei as chaves do reino dos Céus: tudo o que ligares na terra será ligado nos Céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos Céus». Então, Jesus ordenou aos discípulos que não dissessem a ninguém que Ele era o Messias. E começou a explicar aos seus discípulos que tinha de ir a Jerusalém e sofrer muito da parte dos anciãos, dos príncipes dos sacerdotes e dos escribas; que tinha de ser morto e ressuscitar ao terceiro dia. Pedro, tomando-O à parte, começou a contestá-l’O, dizendo: «Deus Te livre de tal, Senhor! Isso não há-de acontecer!» Jesus voltou-Se para Pedro e disse-lhe: «Vai-te daqui, Satanás. Tu és para mim uma ocasião de escândalo, pois não tens em vista as coisas de Deus, mas dos homens».

 

REFLEXÃO 

 Hoje Mt 16,13-23  convida-nos a pensar na  autêntica identidade de Cristo.  Tantas opiniões giravam na cabeça das pessoas sedentas de felicidade acerca do profeta da Galileia. Nunca ninguém tinha falado assim!…

Mas somente Pedro acertou em cheio com a resposta exata.  Não  se limita acreditar na messianidade  de Jesus, mas  também na sua  divin¬dade: “Tu és o messias, o Filho de Deus”. (Mt 16,16)

Esta resposta clara revelara a força interior do Divino Espirito Santo. Porém ainda havia muita reflexão a fazer: a sua fé   era ainda muito fraca para admitir um Messias sofredor, preso a uma cruz : “Deus não permita tal coisa, Senhor! Que isto nunca te aconteça!” (Mt 16,16). 

Quando Cristo foi condenado à morte ele nega ter pertencido ao seu grupo .Pedro negou outra vez, respondendo: — Juro que não conheço esse homem! Mateus 26:72 NTLH

Mas Jesus escolhe-o como seu primeiro sucessor :  “Por isso eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja “ (Mt 16,18)

A tradição católica aceitou sempre este texto. A pedra angular e o alicerce da Igreja é o próprio Cristo, como diz S. Paulo repetidas vezes; por isso não a vencerá o poder do inferno.

 

ORAÇÃO

Faz, Senhor, que o vosso   povo se mantenha unido para que, perseverando na fração do pão, tenhamos um só coração e uma só alma. Ámen.

 

Dia de São João Maria Vianney | 4 de agosto - Calendarr

 Hoje celebramos a memória de S. João Maria Vianey o natural de Arts um grande   confessor  São João Maria Vianney .Natural de Ars foi um homem resplandeceu de tal modo que difundiu os seus conselhos ao longe e ao largo e sapientemente conduziu muitos a Deus.localidade de Ars, perto de Belley, na França, com a pregação assídua, a oração e o exemplo de penitência

 São João Maria Vianney resplandeceu de tal modo que difundiu os seus conselhos ao longe e ao largo e sapientemente conduziu muitos a Deus.localidade de