11 08 Terça Feira da 32 semana do tempo comum

 

 

EVANGELHO Lc 17, 7-10
«Somos inúteis servos:
fizemos o que devíamos fazer»

O cristão não só há-de estar sempre disposto para o serviço de Deus e do próximo, mas há-de prestar sempre esse serviço com humildade interior, consciente de que não faz mais do que o seu dever, como discípulo de Cristo. Sobretudo os que se dedicam mais directamente ao trabalho no reino de Deus hão-de considerar esse trabalho como muito normal, e realizá-lo sempre com os olhos em Deus, pois que não passamos de servos desse reino.

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas
Naquele tempo, disse o Senhor: «Quem de vós, tendo um servo a lavrar ou a guardar gado, lhe dirá quando ele volta do campo: ‘Vem depressa sentar-te à mesa’? Não lhe dirá antes: ‘Prepara-me o jantar e cinge-te para me servires, até que eu tenha comido e bebido. Depois comerás e beberás tu’. Terá de agradecer ao servo por lhe ter feito o que mandou? Assim também vós, quando tiverdes feito tudo o que vos foi ordenado, dizei: ‘Somos inúteis servos: fizemos o que devíamos fazer’».
Palavra da salvação.

 

 

 

https://www.liturgia.pt/liturgiadiaria/dia.php?data=2022-11-

 

 

8