06 13 Mt 5, 13-19 Santo António

06 13 Mt 5, 13-19 Santo António

EVANGELHO Mt 5, 13-19
«Vós sois o sal da terra. Vós sois a luz do mundo»

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus

Naquele tempo,
disse Jesus aos seus discípulos:
«Vós sois o sal da terra.
Mas se ele perder a força, com que há de salgar-se?
Não serve para nada,
senão para ser lançado fora e pisado pelos homens.
Vós sois a luz do mundo.
Não se pode esconder uma cidade
situada sobre um monte;
nem se acende uma lâmpada
para a colocar debaixo do alqueire,
mas sobre o candelabro,
onde brilha para todos os que estão em casa.
Assim deve brilhar a vossa luz diante dos homens,
para que, vendo as vossas boas obras,
glorifiquem o vosso Pai que está nos Céus.
Não penseis que vim revogar a Lei ou os Profetas;
não vim revogar, mas completar.
Em verdade vos digo:
Antes que passem o céu e a terra,
não passará da Lei a mais pequena letra
ou o mais pequeno sinal,
sem que tudo se cumpra.
Portanto, se alguém transgredir um só destes mandamentos,
por mais pequenos que sejam,
e ensinar assim aos homens,
será o menor no reino dos Céus.
Mas aquele que os praticar e ensinar
será grande no reino dos Céus».
Palavra da salvação.

REFLEXÃO

A Igreja celebra hoje a festa Santo António um santo português, nascido em Lisboa no século XII. Na sua peregrinação na terra, soube encontrar Deus e colocar-se ao Seu serviço. I. No seu baptismo foi-lhe dado o nome de Fernando, foi ordenado sacerdote e entrou na Ordem dos Frades Menores, tomando então o nome de António. Esteve com São Francisco de Assis, sendo que foi em Itália e em França que conseguiu converter a muitos pela sua pregação. Faleceu perto de Pádua, tendo recebido a graça da canonização pelo Papa Gregório IX, um ano após a sua morte.
A Liturgia escolheu Mt 5, 13-19 como reflexão da vida de Santo António . Santo António , verdadeiro discípulo de cristo , desempenhou uma missaão como queria Cristo: Ser sal e luz
Como o sal dá sabor aos alimentos e os preserva da corrupção Santo António deu sabor à vida levando os seus ouvintes a viver com alegria a sabedoria do Evangelho provocamdo admiração, confundiindo os hereges, convertendo os pecadores
. Atribuía tudo ao poder da oração. Vivendo permanentemente em comunhão com Deus, unicamente impelido pelo desejo de cumprir a sua vontade de Deus iluminou com a sua Palavra tantas almas sedentas de paz e felicidade
.Santo António alerta-nos para o essencial, para a amizade com Deus, fonte de todo o bem, da paz e da alegria, que nada nem ninguém nos pode jamais tirar. Meditando na sua vida, descobrimos as maravilhas da fidelidade de Deus, que segue com amor o caminho de quem procura o seu rosto, tornando-o participante dos seus dons e colaborador do seu projeto de vida sobre a humanidade.

Oração

Santo António, peço-vos pelos meus irmãos mais necessitados, pelos que sofrem e pelos oprimidos, pelos marginalizados e aqueles que, hoje, mais necessitam de vossa proteção. Fazei com que nos amemos todos como irmãos e que, no mundo, haja amor e não ódio. Ajudai-nos a viver a mensagem de Cristo. Na presença do Senhor Jesus, não cesseis de interceder a Ele, com Ele e por Ele a nosso favor diante do Pai. Amém.